MAIS DE 2 MILHÕES DE APOSENTADOS E PENSIONISTAS PRECISAM ATUALIZAR O SEUS CADASTROS PARA CONTINUAR RECEBENDO BENEFÍCIO

Até março de 2018, mais de 2 milhões de aposentados e pensionistas do INSS ainda não atualizaram seu cadastros junto ao INSS. Estas atualizações servem para comprovar que estão vivos. Sem a comprovação, cerca de 112 mil benefícios foram suspensos ou cancelados no ano passado.

Leia também: Aparelhos e instrumentos para FISIOTERAPIA


Algumas instituições financeiras já fazem o procedimento em terminais de autoatendimento por meio de um sistema biométrico. Com isso, o segurado, que atualiza seu cadastro (comprova que está vivo), recebe uma nova senha de acesso ao sistema do INSS.

 Se o beneficiário tiver dificuldades de locomoção ou estiver no exterior, pode fazer a comprovação por meio de procuração. O modelo está na página da Previdência Social no endereço www.previdencia.gov.br.

BENEFICIADOS que PERDERAM AUXÍLIO-DOENÇA APÓS REVISÃO DO INSS

QUEM ESTÁ SENDO CHAMADO PARA REVISÃO?

Estão sendo convocados para revisão os beneficiários de auxílio-doença e aposentadoria por invalidez que há mais de dois anos não passam por uma perícia médica.

Os trabalhadores estão sendo chamados aos poucos, por meio de carta. A dica é manter o endereço atualizado para não perder a convocação. Clique aqui e veja como.

O QUE LEVAR NO DIA DA PERÍCIA?
No dia da perícia, deverá ser apresentada toda a documentação médica que justifique o recebimento do benefício, como atestados, laudos, receitas e exames.

NÃO TEM COMO IR?
Se a pessoa estiver internada ou doente e não puder comparecer à perícia, deverá pedir a alguém de sua confiança que informe ao INSS, em uma de suas agências, sobre o impedimento.


Esse representante deve levar o documento de identidade do segurado e um documento que comprove que não tem como comparecer --um atestado médico, por exemplo. Com isso, ele poderá solicitar ao beneficiário uma perícia hospitalar ou domiciliar.

Gostou do assunto? Recomende-o clicando nos ícones abaixo!

Com informações da Rede Nacional de Rádio em Brasília, RA
0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário